Audiência Pública define encaminhamentos sobre fechamento de CEMEIs

Postado em 13/11/2018 15:31

Audiência Pública define encaminhamentos sobre fechamento de CEMEIs

A Câmara de Divinópolis, através da Comissão de Educação, realizou na noite da segunda-feira (12), Audiência Pública para tratar do fechamento de Centros Municipais de Educação Infantil – CEMEIs, conforme anunciado pela Secretaria Municipal de Educação.

 

Apesar de convidado, o Ministério Público não se fez representado, bem como a Secretária Municipal de Educação que enviou técnicos da SEMED e se usou como porta-voz para apresentar explicações, o Diretor de Comunicação da Prefeitura, Evandro Araújo. Presidida pelo Vereador Roger Viegas, acompanhado dos demais membros da comissão, vereadores Renato Ferreira e Nonato, a audiência contou com grande presença de público.

 

Foram ouvidos pais diversas mães de crianças, em especial dos alunos dos CEMEIS Douglas Miguel Vilela, que fica no Centro e Victor Hugo, que fica no bairro Sagrada Família e que estão sendo fechadas com as crianças sendo transferidas para unidades educacionais das imediações. As mães alegam que a distância ficou muito maior e que existe possibilidade de manter estes estabelecimentos abertos, bastando se adequar ás normas do Corpo de Bombeiros e da Vigilância Sanitária.

 

Professores em greve em manifestação devido a salários atrasados e escalonados também se fizeram representados pelo Diretor do Sindicato dos Trabalhadores da Educação Municipal de Divinópolis, Rodrigo Rodrigues que pediu apoio da Câmara para resolver o impasse e sugeriu que não sejam votados projetos do Executivo que tratem da categoria, até que a situação seja resolvida.

 

Ao término da reunião, o Presidente Roger Viegas deu os seguintes encaminhamentos: não votar nenhum projeto relacionado ao DIVIPREV ou PCS dos servidores da educação e demais, sem primeiro ouvir os sindicatos em assembleia; reformar o CEMEI Douglas Miguel Vilela através de gestão compartilhada (comunidade, parcerias e Vereador Cleitinho); que a Secretaria Municipal de Educação mude para a nova sede da prefeitura, desocupando o prédio atual, para que ele possa acolher o CEMEI; garantia de um ano de transição antes do fechamento do CEMEI Victor Hugo; abertura de no mínimo seis turmas de tempo integral na Escola Oribes Batista Leire; manter abertas as quatro salas que seriam fechadas na Escola Hebert de Souza, aceitando alunos de outros bairros; diminuir cargos comissionados na prefeitura em no mínimo 50%,; junção de Secretarias, pagamento dos salários dos servidores em dia; reunir com as mães e encaminhar estas demandas para o Ministério Público.

 

Participaram da reunião também os vereadores César Tarzan, Nêgo do Buritis, Cleitinho, Zé Luis da Farmácia, Sargento Elton, Dr Delano, Marcos Vinícius, Josafá e Edson Sousa.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics