Publicidade

Leclerc é novamente pole, agora no Azerbaijão.

Postado em 05/06/2021 13:05

Em uma classificação movimentada neste sábado no GP do Azerbaijão, foi Charles Leclerc, da Ferrari, quem levou a melhor, garantindo com a marca de 1m41s218 sua segunda pole position de 2021 – a primeira em Mônaco. A sessão, que chegou a ser interrompida três vezes com as batidas de Lance Stroll, Antonio Giovinazzi e Daniel Ricciardo, esquentou nos últimos dois minutos até Yuki Tsunoda, da AlphaTauri, acionar a bandeira vermelha que encerrou o classificatório precocemente. Companheiro de Leclerc, Carlos Sainz também bateu no final, mas garantiu a quinta colocação.

Sem tempo para novas tentativas, Lewis Hamilton, da Mercedes, completa a primeira fila do grid de largada, anotando 1m41s450. Max Verstappen, da RBR, foi o terceiro colocado a 0s3 do monegasco e largará ao lado de Pierre Gasly, da AlphaTauri, líder do último treino livre em Baku.

Advertisement

Lando Norris, sexto colocado, foi punido com três posições por desrepeitar uma das bandeiras vermelhas da sessão, e largará em nono no domingo. Ele também recebeu três pontos na superlicença, chegando a um total de oito dos 12 que podem gerar suspensão. Sergio Pérez, colega de Verstappen na RBR, classificou-se em sétimo lugar à frente de Tsunoda, que apesar da batida, manteve a oitava colocação seguido por Fernando Alonso, da Alpine – em seu melhor sábado até agora. Em um dia discreto, Valtteri Bottas, colega de Hamilton na Mercedes, completou as dez primeiras posições.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!