Keno responde a pergunta do repórter Oliveira Lima, da Minas FM, sobre os gols semelhantes, narrado por Leo Lasmar - Portal MPA

Publicidade

Keno responde a pergunta do repórter Oliveira Lima, da Minas FM, sobre os gols semelhantes, narrado por Leo Lasmar

Postado em 14/12/2021 11:52
Publicidade

A temporada de 2021 terá o capítulo derradeiro para o Atlético nesta quarta-feira, com a final da Copa do Brasil. O título ficou bem perto após goleada na ida por 4 a 0. Mais um gol de Keno, que vive fase áurea. E o ponta esquerda falou sobre a semelhança entre a bola que venceu Santos, no cantinho, e aquele gol marcado diante do Bragantino.

Foram dois lances parecidos. Keno ajeitou a bola na entrada da área, viu espaço, mirou no cantinho e acertou o pé da mesma trave do Mineirão, para explodir a torcida. No Brasileiro, era o jogo da festa do título. Contra o Athletico-PR, a ida da final. O camisa 11 falou que pegou dicas com o preparador de goleiros do Galo, Danilo Minutti, a quem Keno conhece desde o Palmeiras.

O repórter Oliveira Lima, da Minas FM, em entrevista coletiva na tarde se segunda-feira, perguntou ao atacante Keno qual era o treinamento e a forma de se fazer gols tal semelhantes nos últimos jogos:

“Eu converso muito com o Danilo, preparador de goleiros, trabalhei com ele no Palmeiras. Ele me fala sobre isso, que o goleiro espera muito o atacante bater no outro canto. E se eu virasse o pé na batida, pegaria o goleiro distraído. Fiz o gol assim contra Bragantino e Athletico. É questão de treinamento, conversamos com Everson, Rafa. Fico feliz de eles também me ajudarem nessas conclusões a gol” – afirmou Keno.

São cinco gols e seis assistências nos últimos 11 jogos do atacante na temporada. Voando. Uma participação a gol por jogo, em média. Keno anotou duas vezes na virada contra o Bahia, em Salvador, há 11 dias, para decretar a vitória e o título brasileiro do Galo. O momento mais especial da carreira.

Veja abaixo o gol narrado por Leo Lasmar

FUTEBOL MINAS FM

Publicidade