Final da Copa do Brasil. Um dos dois será Bicampeão. A Minas FM transmite Athletico x Atlético - Portal MPA

Publicidade

Final da Copa do Brasil. Um dos dois será Bicampeão. A Minas FM transmite Athletico x Atlético

Postado em 15/12/2021 11:40

Furação e Galo se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h30, na Arena da Baixada, pela grande final da Copa do Brasil. A Minas FM transmite a partir das 20h00.

Os dois finalistas garantem, no mínimo, R$ 23 milhões de premiação, esse valor será destinado ao vice-campeão. Para o time que levantar o troféu, o prêmio será de R$ 56 milhões.

O Galo venceu a partida de ida por 4 a 0 no Mineirão. Vale lembrar que o gol qualificado, aquele marcado fora de casa, não é critério de desempate na Copa do Brasil 2021. Portanto, o Furacão precisa vencer por cinco gols de diferença para ficar com o título. Uma vitória por quatro gols do Rubro-Negro leva a partida para a disputa de pênaltis.

O Athletico tem uma missão quase impossível. Precisa reverter a goleada no jogo de ida sobre o atual campeão brasileiro. Mesmo que não fique com a taça, foi um dos anos mais vitoriosos da história do clube. Além de garantir uma vaga na final da Copa do Brasil, o Furacão conquistou a Copa Sul-Americana, com vitória sobre o Bragantino por 1 a 0, em Montevidéu, no Uruguai.

O Atlético pode finalizar o maior ano da sua história nesta noite. Campeão brasileiro com a segunda maior campanha da história da era dos pontos corridos de 20 clubes, o Galo venceu o Furacão na ida por 4 a 0, e colocou uma mão na taça. Se fizer a dobradinha nacional, iguala o feito do maior rival Cruzeiro em 2003.

O técnico Alberto Valentim terá que mudar o time que perdeu a primeira partida da final da Copa do Brasil. Thiago Heleno recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso. Nikão deve ser outro desfalque. O meia-atacante sofreu uma lesão no tornozelo esquerdo e dificilmente vai para o jogo.

O Furacão vai em busca de um milagre. Para reverter a diferença de quatro gols da ida, Valentim pode mudar o esquema tático. Sem Thiago Heleno, a dúvida é entre Zé Ivaldo, o substituto natural da posição, e Christian, para ter mais um jogador no meio-campo. Assim, o Athletico abriria mão dos três zagueiros e teria três volantes e três atacantes na partida da Arena da Baixada.

O provável Furacão: Santos; Pedro Henrique, Zé Ivaldo e Nico Hernández; Marcinho, Erick, Léo Cittadini e Abner; Pedro Rocha, Terans e Renato Kayzer. Técnico: Alberto Valentim

O time de Cuca não deve contar com Diego Costa, que sofreu desconforto na coxa durante o jogo de ida, e só viajou para Curitiba após o treino de terça, quando foi ausência. Sem o camisa 19, Vargas é o substituto natural. Porém, há chance de o Atlético querer adotar uma postura de menos risco na defesa, e até acionar Nacho na vaga do atacante hispano-brasileiro.

O zagueiro Réver, que foi ausência na partida passada por ainda se recuperar de problema muscular, treinou com bola normalmente. Cuca, na coletiva de imprensa, disse que o capitão está 100%. A possibilidade maior, porém, é Igor Rabello seguir como substituto de Nathan Silva.

O provável Galo: Everson; Mariano, Igor Rabello, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair e Zaracho; Vargas, Hulk e Keno. Técnico: Cuca

Equipe de Arbitragem: Árbitro: Anderson Daronco (FIFA-RS), Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA-SP) e Rafael da Silva Alves (FIFA-RS), Árbitro de vídeo: Daniel Nobre Bins (RS), Quarto árbitro: Braulio da Silva Machado (SC).

A Minas FM 104,1 transmite a partir das 20h00 com o abre o jogo e as 21h30 a bola rola para a grande final da Copa do Brasil com Victor de Castro, Oliveira Lima e Afonso Alberto. Acompanhe também pelo www.radiominasfm.com.br, facebokk.com/minasfmdivinopolis, You Tube Minas FM, pelo aplicativo radiosnet, procurando por rádio Minas FM e participando do Fala Torcedor da Minas pelo whatsapp 37 3222 0001.

FUTEBOL MINAS FM