Publicidade

Cruzeiro perde para o Cuiabá no fim e segue na zona de rebaixamento da Série B

Postado em 03/10/2020 21:07

Noite de sábado. 22 horas. Calor de 33 graus. Umidade, clima abafado. O primeiro encontro entre Cuiabá e Cruzeiro na história tinha todos os ingredientes de uma partida de ritmo bastante lento, mais truncada e com poucas chances. No decorrer dos mais de 90 minutos, tudo parecia se encaminhar para um 0 a 0 sonolento, mas a Raposa acabou vacilando nos acréscimos, sofrendo um gol de Felipe Marques, aos 50 minutos. Um suplício. Coisa de filme de terror, já que o Cruzeiro teve uma falta segundos antes que um passe para trás de Roberson originou um contra-ataque do Cuiabá. 

Um resultado péssimo para o Cruzeiro. O Cuiabá segue mais líder do que nunca, com seis pontos à frente da Chapecoense, enquanto a Raposa, que ingressou no Z-4 durante a rodada, por lá mesmo ficou, na 17ª posição. Permanece com 11 pontos, um a menos que o Figueirense, o primeiro time fora da zona de rebaixamento. 

Também foi perceptível o uso de Felipe Machado no meio dos zagueiros a cada saída de bola, iniciando a movimentação do time celeste. Uma das melhores jogadas da Raposa foi em um chute de Sassá, aos 13 minutos, em que o arremate cruzado foi desviado pela defesa.

Do lado do Dourado, o primeiro tempo foi de um grande prejuízo. O técnico Marcelo Chamusca perdeu Rafael Gava e Felipe Ferreira ainda no primeiro tempo por lesões musculares. Mesmo assim, a melhor chance da etapa inicial foi mesmo do Cuiabá, com um cabeceio de Jenison, aos 43 minutos, com a bola explodindo no travessão. Na sequência, o lateral-esquerdo Matheus Pereira salvou o Cruzeiro praticamente em cima da linha por duas vezes. 

Na segunda etapa, o técnico Ney Franco decidiu alterar o time logo cedo, por volta de cinco minutos. Ele tirou Maurício e Régis, os dois meias, para apostar em Marcelo Moreno e Rafael Luiz, esse último atuando de forma mais ofensiva. As substituições não surtiram muito efeito. O Cruzeiro perdeu bastante o meio-campo e ficou ainda mais carente na criação. Por volta dos 25 minutos, o comandante tentou uma correção com Roberson para reforçar a faixa entre o meio e o ataque, além de colocar Caio Rosa como um ponta, recuando Rafael Luiz para a lateral. 

Tudo se encaminhava para um 0 a 0 no placar. A partida caiu bastante em intensidade. Mas no último giro do relógio, exatamente próximo aos 50 minutos da etapa final, o Dourado saiu em velocidade com Yago. Ele recebeu pela direita e cruzou na medida para Felipe Marques dividir com Fábio e balançar as redes. Mais uma derrota do Cruzeiro na via-crúcis que tem sido a Série B do Brasileirão. 

O Cruzeiro volta a jogar na próxma quinta (8), às 20h, contra o Sampaio Corrêa, no Mineirão, pela 14ª rodada do Brasileirão da Série B. Já o Cuiabá vai até o Alfredo Jaconi, em Caxias, para encarar o Juventude, na terça (6), às 19h15. 

.

.

Fonte: OTEMPO.com.br

 

Ouça o gol da derrota do Cruzeiro para o Cuiabá pela série B. Narração de Leonardo Lasmar:

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!