Publicidade

Cruzeiro pode ter “novidades” contra Coritiba.

Postado em 05/07/2021 13:51

A Copa América para a Bolívia acabou na fase de grupos, e o atacante Marcelo Moreno retornou ao Cruzeiro para viver uma segunda etapa no seu retorno. Com Mozart no cargo de técnico, há chance de o jogador ser utilizado com frequência. Não só ele, mas há outros reforços em busca da primeira chance, como Wellington Nem. O treinador celeste espera contar com ambos na terça-feira.

Após empatar com o Brasil no Bento Freitas, nesse sábado, o Cruzeiro viaja de volta para Belo Horizonte. Pouco tempo para treinar e também para descansar. Mas Mozart também poupou algumas forças no Sul e terá um time com mais fôlego diante do Coritiba, terça-feira, às 19h00, no Mineirão.

Advertisement

Sobre Welligton Nem e Marcelo Moreno, ambos também passarão por avaliação física e alimentam expectativas. Hoje, o titular do comando de ataque é Rafael Sobis, que pode ser escalado mais recuado.

“Passaram por processo de readaptação aos treinamentos e acredito que estarão disponíveis para o próximo jogo. Ainda é cedo para pensar numa equipe, preciso ver condições físicas dos jogadores. Mas, quanto mais jogadores à disposição, abre-se leque de opções maiores no ataque. Hoje conseguimos descansar jogadores e acredito que teremos equipe forte com condição física melhor do que estávamos hoje” – disse Mozart, sobre Nem e Marcelo Moreno serem usados.

“Não existe titular absoluto e eu vou pela produtividade e a questão física, devido a quantidade de jogos. Na terça, analisando os próximos dois dias, vamos colocar em campo aqueles jogadores de melhor condição física”.

Por falar no ataque, o treinador também comentou sobre a substituição que fez no segundo tempo, ao optar por tirar Rafael Sóbis e colocar Thiago, outro jogador que foi escanteado na época de Felipe Conceição. Ainda havia Guilherme Bissoli como opção. Sobis, titular e liderança do elenco, não faz uma partida de encher os olhos há um tempo.

“Sobre a escolha do Thiago, e não do Bissoli, é questão de característica, pensando no adversário. Com relação ao Sóbis, é um jogador importante para nós, como todos são. É referência no ataque. E hoje não produzimos tanto assim para gerar situação clara de gol para ele. Acredito que ele pode atuar como 9 e junto com um camisa 9, acho que até facilita as características dele”.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!