Disputa entre Atlético e Patrocinense termina em empate pelo Campeonato Mineiro

Postado em 28/01/2018 16:42

O duelo entre Atlético e Patrocinense, válido pela quarta rodada do Campeonato Mineiro, terminou empatado em 2 a 2. Sob olhar do recém contratado Tomás Andrade, que assistia o jogo no Independência, a equipe titular do Galo não conseguiu os três pontos. Leonardo Silva abriu o placar e Diego Borges marcou contra mas a Águia igualou o marcador com Marcelo Régis e Ademir. Vale lembrar que Leonardo Silva fez o seu 30º gol pelo Atlético e se tornou o maior zagueiro artilheiro da história do clube. Com o resultado, o Galo assumiu a 4ª colocação, com 5 pontos e o Patrocinense, com a mesma pontuação, permanece em 6º lugar.

O Atlético começou a primeira etapa controlando a posse de bola próximo da área adversária. O Patrocinense, acuado, não conseguia sair do campo de defesa. A marcação do Galo na saída de bola, atrapalhava o time visitante. O Alvinegro mostrou calma e trabalhou bem os passes, buscando espaço no setor defensivo da Águia. Os momentos mais perigosos do Atlético foram com Otero de bola parada. O meia cobrou vários escanteios e lançou bolas fechadas para a área do Patrocinense.

Aos 24 minutos, Leonardo Silva fez o primeiro do jogo, após insistência do venezuelano. Foram sete escanteios em 24 minutos. A jogada, bem ensaiada, resultou no gol do Galo. O Patrocinense, sem conseguir trocar passes, tentou reagir com chutes à distância mas nada que ameaçasse o goleiro Victor. No final da primeira etapa, aos 47, Diego Borges fez contra, aumentando a vantagem do Alvinegro na partida. Fábio Santos cruzou e o zagueiro tentou tirar de cabeça, mas acabou botando a bola no fundo do gol.

Na volta do intervalo, o Patrocinense se organizou. A equipe visitante foi para cima, buscando o empate. Aos 14 minutos, Marcelo Régis, diminuiu para a Águia. O atacante cabeceou no contrapé de Victor, não dando chances para o goleiro. O desempenho do Atlético, no segundo tempo, caiu. O time alvinegro não conseguia prender a bola no ataque e passava sufoco com as investidas do Patrocinense.

Aos 30 minutos, a Águia surpreendeu, alcançando a igualdade na partida. Ademir, de cabeça, aproveitou sobra de bola e empurrou para as redes. Cinco minutos depois, o zagueiro da Patrocinense, Rodolfo Mol, foi expulso. Ele levou o segundo cartão amarelo, por ter puxado Elias, que tentava um contra-ataque. Oswaldo de Oliveira fez três alterações depois do empate, o Atlético até aumentou o volume de jogo mas não conseguiu sair com vitória.

Fonte: Terra

Confira os gols na narração de Mário Savaget:

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com