Publicidade

Auxiliar de Lisca mantem a mesma forma de atuar da equipe do América.

Postado em 23/11/2020 12:27

Mais uma vez ficou com Cauan de Almeida a missão de substituir Lisca no comando técnico do América-MG. Com o treinador retirado de última hora, por causa de um incômodo estomacal, o auxiliar foi, pela segunda vez seguida, responsável comandar o Coelho e conseguiu fazer o time voltar a vencer na Série B, após três rodadas, resultado que colocou a equipe na vice-liderança da competição. Já tinha substituído Lisca (então suspenso) contra o Cuiabá, na última rodada.

Após a vitória por 1 a 0 sobre o Operário, em Ponta Grossa, Cauan destacou o empenho do América para vencer a partida e também reclamou do gramado.

Advertisement

“A gente fez um excelente jogo, dentro dos padrões da equipe, principalmente no primeiro tempo, quando conseguiu fazer uma marcação alta, colocar ritmo bem intenso, bem alto, que já era nossa estratégia. O Operário criou chances, não claras, mas claro porque teve a semana para pensar no nosso time. Isso fez diferença para eles. E nossa sequência é pesada. Jogamos mais seguros. Fica o nosso elogio ao grupo, entendeu o que o jogo pedia, fizemos marcação com agressividade, assim nasceram as oportunidades. No segundo tempo, com um jogador a mais, pelo desgaste, sequência, por ter um a mais, preferimos controlar o adversário e tentar situação de contra-ataque. De forma geral, o grupo fez um excelente jogo e estaremos prontos para decisão de terça”.

Na vice-liderança da Série B com 40 pontos, sete a menos que a líder Chapecoense, o América agora poderá se dedicar exclusivamente à competição por um mês. É que os jogos pela semifinal da Copa do Brasil, contra o Palmeiras, só ocorrem em 23 e 30 de dezembro. Momento para recuperar o fôlego e se aproximar ainda mais do objetivo na competição: o acesso à Série A.

“A sequência para nós é pesada, principalmente porque estamos na Copa do Brasil. Agora temos uma pausa de um mês, próximo jogo nela é só dia 23. Essa pausa (na Copa do Brasil) vai nos possibilitar a recuperação, focar na Série B, que é o nosso principal objetivo. Então, em cima disso, essa vitória foi fundamental, principalmente por causa dos dois empates nas últimas rodadas. Conquistamos uma importante vitória”. 

Na terça-feira, no Independência, o América terá confronto direto com o Juventude, na quarta colocação e com 37 pontos, três a menos que o Coelho. Desafio, e tanto, para o time de Lisca.

“Sabemos que todos os confrontos diretos vão predominar bastante nestas 10 primeiras rodadas (do returno). Juventude vem de um resultado muito positivo. Sabe que, se conseguir a vitória, vai se distanciar de um adversário direto. Vamos trabalhar bem a equipe. Na terça, vamos estar nos padrões, nas nossas intensidades, para fazer um grande jogo”. 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!