Atlético vende Marrony e pode lucrar R$ 27 mihões. - Portal MPA

Publicidade

Atlético vende Marrony e pode lucrar R$ 27 mihões.

Postado em 20/08/2021 16:26

O Atlético confirmou os valores da venda de Marrony ao Midtjylland, da Dinamarca. O clube vai receber 3 milhões de euros à vista e mais 1,5 milhão de euros em junho de 2022, totalizando 4,5 milhões de euros, cerca de R$ 28,3 milhões, pela transferência do atacante em definitivo.

Mas os valores podem ser ainda maiores, de acordo com o Galo. A negociação pode bater em 7,5 milhões de euros, aproximadamente R$ 47,2 milhões.

Advertisement

“O Galo pode receber, ainda, uma bonificação de um milhão de euros por ano, durante os três primeiros anos, se o jogador disputar 50% das partidas em cada temporada” – diz a nota publicada pelo clube.

Além disso, em caso de futura venda do jogador pelo Midtjylland, o Atlético terá direito a 10% do valor que exceder 4,5 milhões de euros.

A nota divulgada pelo Galo revela ainda a redução de valores de comissão a serem repassados aos agentes de Marrony. O Vasco, detentor dos de 20% dos direitos econômicos do atleta, também teve quantia a ser recebida reduzida. O Atlético era dono de 80% dos direitos.

Marrony ficou pouco mais de um ano no clube mineiro, após ser comprado por R$ 20 milhões do Vasco da Gama. No início da trajetória, era o centroavante titular do Atlético de Sampaoli. Depois, perdeu espaço com as chegadas de outras peças, como Eduardo Sasha, Eduardo Vargas. Passou a ser reserva imediato de Keno, na ponta esquerda.

Em 2021, Marrony foi destaque no início do Campeonato Mineiro, retomando a titularidade quando o time foi escalado com jogadores reservas, para dar descanso aos titulares. Fez gols e chegou a ser um dos artilheiros do Estadual.

O atacante assinou com clube dinamarquês até junho de 2026. Ele foi apresentado nesta sexta-feira.

“Desde moleque eu só pensava em ser jogador de futebol. Consegui realizar esse desejo. Com muito trabalho e suor. Tenho que agradecer o Volta Redonda, o Vasco e o Atlético Mineiro. Também sou grato a Deus, à minha família e aos meus empresários, por me apoiarem e ajudarem em tudo. Agora estou no Europa. Sonho de todo jogador. Construir minha história aqui. Agradecer ao Mitdjylland por apostar em mim e eu farei isso valer em campo. Vamos com tudo”.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade