Athletico Paranaense vence no Japão, e mostra ao “xará” Atlético a importância de ganhar a Copa Sulamericana

Postado em 07/08/2019 11:37

O Athletico venceu o Shonan Bellmare por 4 a 0 e conquistou a J. League/Conmebol – duelo que reúne os campeões da J. League e da Sul-Americana. Marcelo Cirino, Rony, Thonny Anderson e Braian Romero marcaram os gols na manhã desta quarta-feira (noite no Japão). É a maior vitória na história da competição, que está em sua 12ª edição.

O time comandado por Tiago Nunes controlou a maior parte do primeiro tempo, criou as melhores chances de gol e saiu na frente com Marcelo Cirino aos 40 minutos. Wellington cruzou, e o camisa 7 cabeceou com categoria no canto. O Furacão finalizou 12 vezes, e o Shonan Bellmare, apenas três. Cirino marcou o gol, mas Rony que brilhou. Veloz e driblador, ele infernizou a marcação japonesa pelo lado esquerdo

O Athletico manteve a postura ofensiva e, com mais espaços, construiu o 4 a 0. Rony recebeu de Bruno Nazário, dominou no peito e acertou o ângulo. Depois, Marcelo deixou Thonny Anderson na cara do goleiro para ampliar. O Shonan, que começou com um time misto, promoveu a entrada de titulares e esboçou uma pressão, mas não conseguiu criar. No fim, Braian Romero ainda tocou na saída do goleiro e garantiu o 4 a 0.

Campeão da taça J. League/Conmebol, o Athletico leva 900 mil dólares (R$ 3,5 milhões na cotação atual) em premiação. O Shonan Bellmare, vice, fica com 770 mil dólares (R$ 3 milhões).

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com