América pode ficar sem Lisca - Portal MPA

Publicidade

América pode ficar sem Lisca

Postado em 14/06/2021 11:09
Publicidade

O América sofreu mais uma derrota neste domingo na Série A e, passadas as três primeiras rodadas, segue sem pontuar no Brasileirão. Após o jogo, o técnico Lisca citou razões internas para o momento ruim e, por diversas vezes, afirmou que irá se reunir com o grupo, diretoria e comissão técnica nesta segunda-feira.

“Quando chegarmos em BH, vamos conversar, e tomar atitude melhor para todos, para o clube, jogadores, comissão técnica, para todo mundo, porque precisamos de uma reação urgente a partir de quinta-feira”. (Lisca)

“As razões? (do momento ruim). As razões são internas, depois que a gente se reunir amanhã, a gente pode falar mais concretamente, agora não é o momento de avaliar, apontar dedo, a responsabilidade é minha, é do clube, é de toda nossa comissão técnica e dos jogadores também. Fizemos ótimos trabalhos juntos e agora estamos nesse momento péssimos juntos também. Vamos nos reunir para achar solução” – disse o treinador.

O América não vence há sete jogos e ainda não marcou gol na Série A. Há algumas semanas, o discurso era de conseguir algo melhor na competição, já que o time mineiro nunca permaneceu dois anos seguidos na elite. Mas, depois da derrota para o Flamengo, por 2 a 0, no Maracanã, o treinador disse que a briga segue sendo o Z-4.

“Na verdade a gente tinha uma expectativa muito diferente para essa competição, como o América tem essa tradição de não permanecer, a gente tava muito esperançoso de não entrar nessa briga, mas eu acho que essas três rodadas deixou bem claro que a briga do América é somente essa, tentar permanecer de todas as formas na primeira divisão, são situações que vamos analisar internamente, externamente não é o momento de ser falado e vamos tentando”.

“Agora está bem claro, o objetivo do América é permanência. Então, quinta-feira é um jogo decisivo, todos são, mas contra adversários que estão na parte mais abaixo da tabela são fundamentais. Os mais de cima hoje a gente não se preocupa mais porque não são concorrentes nossos. Nossa concorrência é tentar bater quatro times para permanecer” (Lisca)

Esquema tático sem o 9

“Vamos analisar com mais calma, mas obviamente não agradou, a maneira que nós jogamos no primeiro tempo, a gente queria trabalhar algumas transições e não conseguimos. Gustavo não estava numa tarde feliz, Nazário, que era o encarregado para fazer essas articulações, o próprio Juninho… Alê e Juninho bem abaixo do que eles produzem, não adianta eu ficar aqui tapando sol com a peneira, que hoje ficou bem claro que para o nível do Flamengo estamos bem longe”.

Sondagem do Internacional
“Eu não posso comentar em quase, seria leviano da minha parte, até pelo América vem vivendo, nessa dificuldade, nesse um ano e quatro meses de trabalho você chegar e apresentar isso é muito frustrante. Eu não tenho nada por falar sobre isso, fico feliz com as especulações e valorização do meu trabalho, mas meu momento e do América são ruins, se você olhar nosso desempenho, ele é ruim, não acho correto falar sobre especulações. Como falei para vocês, amanhã nos vamos sentar, nos reunir e vamos chegar a melhor solução para todo mundo”.

Publicidade