Wagner Tiso e Tunai cantam e tocam Elis Regina, hoje no Gravatá

Postado em 21/06/2018 10:30

O cantor, compositor e violonista Tunai e o maestro, arranjador, compositor e pianista Wagner Tiso sobem juntos no palco do Teatro Usina Gravatá – dia 21/06 – quinta-feira – 20h para apresentarem o show “Saudade da Elis (As Aparências Enganam)”. Os ingressos antecipados podem ser adquiridos com desconto na Boutique do Livro.

A dupla faz uma homenagem a Elis Regina (1945-1982), uma das maiores cantoras da MPB de todos os tempos. Oportunidade para apreciar canções eternizadas na voz da Pimentinha – “As Aparências Enganam”, do próprio Tunai em parceria com Sérgio Natureza; “O Bêbado e a Equilibrista”, de João Bosco e Aldir Blanc; “Maria, Maria”, de Milton Nascimento e Fernando Brant; “O Trem Azul”, de Lô Borges e Ronaldo Bastos, entre outras que fazem parte do patrimônio imaterial e coletivo, a identidade brasileira.

Confira entrevista de Tunai, ao Programa Bom Dia Divinópolis

Foi na voz de Elis que Tunai escutou pela primeira vez os maiores nomes da cena brasileira como Milton Nascimento, Edu Lobo, Gilberto Gil, Baden Powell e Tom Jobim. Seu sonho de ser incluído nessa lista se realizou em 1979, com a gravação de “As Aparências Enganam”, onde Elis interpreta magistralmente a canção que o colocaria entre os maiores compositores brasileiros. Os dois se conheceram na década de 70, apresentados por João Bosco, irmão de Tunai.

Em sua bem-sucedida carreira, Tunai possui nove discos e uma coletânea dupla. Suas músicas já foram gravadas por grandes nomes da MPB, como Simone, Gal Costa, Fafá de Belém, Nana Caymmi, Elba Ramalho, Zizi Possi, Ivete Sangalo, Maria Rita, Milton Nascimento (compadre e parceiro de Tunai em três canções, dentre elas “Certas Canções”), Ney Matogrosso, Emílio Santiago, Beto Guedes, Roupa Nova, Sergio Mendes, entre outros. Ele apresenta-se ao lado de Wagner Tiso, um dos músicos responsáveis pelo movimento “Clube da Esquina”. Com o grupo Som Imaginário na década de 70, Wagner Tiso também inovou e foi um dos precursores do jazz com elementos do rock progressivo no cenário da música instrumental mundial. Em mais de 40 anos de carreira, possui mais de 30 discos gravados, quase todos lançados também no exterior.

Posso dizer que estou muito feliz por me apresentar neste show com o auxílio luxuoso do grande artista e parceiro da vida inteira de Milton “The Voice” Nascimento, Wagner Tiso, com quem tive o enorme prazer de me apresentar várias vezes e que também participou de 10 das 17 faixas do meu CD mais recente, “Eternamente…” (MZA Music – 2011)”. – diz Tunai – “Saudade da Elis, 37 anos se passaram e eu sinto que ela está com a gente, maravilhosa como sempre”. – completa.

A cantora divinopolitana Luiza Lara fará para uma participação especial no show “Saudade da Elis (As Aparências Enganam)” já passou por Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba, Fortaleza, Salvador e várias outras cidades.

Algumas canções do repertório:

– As Aparências Enganam (Tunai / Sérgio Natureza)

– Certas Canções (Tunai / Milton Nascimento)

– Maria, Maria (Milton Nascimento / Fernando Brant)

– O Bêbado e a Equilibrista (João Bosco / Aldir Blanc)

– Corsário (João Bosco / Aldir Blanc)

– Para Lennon e McCartney (Lô Borges / Márcio Borges / Fernando Brant)

– Coração de Estudante (Wagner Tiso / Milton Nascimento)

– Frisson (Tunai / Sérgio Natureza)

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com