Publicidade

Rascunhos da Vida

Rascunhos da Vida: Zelai com ardor.

Postado em 01/08/2020 6:00

“Tudibom”, “pendurar as chuteiras”, “cross my heart”, “Καλó μήνα!”, “Cuando las gallinas meen”, são expressões idiomáticas. São palavras ou frases que usadas num contexto dão uma nova conotação, ou dão um significado não dedutível a alguns vocábulos.

I Coríntios 12.31

Retirado do site: https://pt.freeimages.com/photo/cementary-1235798

Faleceu o meu amigo e professor de grego, o Pr. José Alves da Silva Bittencourt. Um perito no grego e hebraico, conhecedor da doutrina bíblica e excelente expositor da Palavra de Deus. Muitas vezes recorri a ele para esclarecer algumas dúvidas primárias, ele sempre me respondeu, mesmo quando muitas vezes eu já deveria ter a resposta. Na época de meu concílio o convidei pessoalmente, ele apenas me disse: “Não preciso ir, já sei o que você pensa e conhece. Se fosse outro eu iria”.

Na verdade fiquei na dúvida, se ele não concordava com meu pensamento teológico, ou se não via erros gritantes na teologia que eu expunha. Mas o fato é que ele me ensinou que algumas expressões gregas tem uma forma diferente da língua portuguesa. Muitas pessoas leem o texto da citação de Paulo aos irmãos de Corinto e imaginam uma ênfase em buscar dons espirituais. No entanto não é isso que o Apóstolo entre os gentios dizia. Ninguém pode buscar dons espirituais, eles são concedidos por Deus para edificação do corpo.

A expressão grega usada significa zelar com ardor e não buscar. Zelar significa guardar, manusear com cuidado, usar com prudência, manipular com sabedoria. Paulo incentivava o cuidado com os dons recebidos fazendo com que fossem bem administrados, usados e aprimorados. E não incentivava a conquistar novos dons, a receber novos dons espirituais, a ser batizado com o Espírito Santo numa segunda unção.

Segundo as Sagradas Escrituras o Senhor distribuiu aos homens talentos e aos salvos dons espirituais para a edificação da sua Igreja. Cada um recebeu conforme a necessidade para a capacitação do corpo de Cristo, ou seja, da Sua Igreja. Agora talento todos os homens tem, alguns para as artes, outros para as exatas. Aqueles que são talentosos com palavras e outros com o silêncio (por falar em silêncio, uma amiga minha documentou em fotos o silêncio). Existem ainda aqueles que são exímios musicistas e competentes capturadores de imagens sejam elas estáticas ou em movimento.

Mas o que eu desejo reforçar com você é que se você tem talentos, estimule-os. Esforce-se para fazer com que o seu talento natural se destaque, ganhe campo, seja ampliado e fortalecido. Seus talentos foram dados por Deus para edificar vidas e não destruir. Eles são um presente de Deus para que você possa contribuir para o bem-estar da humanidade e não para sua destruição. Já com os dons espirituais que eles sejam aprimorados para a edificação do Corpo de Cristo. Quem recebeu o dom da fé haja crendo no invisível, o dom da sabedoria ensine outros, o dom da interpretação de línguas ensine a verdade da Palavra do Senhor. Tudo para honra, glória e louvor do Deus Todo Poderoso.

Um grande e forte abraço!
Nos eternos laços do amor de Cristo!

Rodrigo Fonseca Andrade
ένας δούλος που δεσμεύεται από τον Λόγο του Θεού.
Um escravo preso a Palavra de Deus.

Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

<
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Autor do blog: Rodrigo Fonseca Andrade

Rodrigo Fonseca Andrade é um microempreendedor, teólogo e professor de línguas clássicas (Grego Koinê e Hebraico Massorético). Casado com Sílvia e pai de João Victor e Isabelle. Com formação em Tecnologia, Meio Ambiente e Teologia. Tem como objetivo principal tornar o conhecimento teológico simples e abrangente. Sendo assim demonstra através de fatos da vida como Deus é soberano e dirige nossa história pessoal. Neste blog você lerá, lembrará e se identificará com muitos dos fatos bíblicos exemplificados de forma simples e objetiva.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!