Rascunhos da Vida: Um dia especial... - Portal MPA

Publicidade

Rascunhos da Vida: Um dia especial…

Postado em 30/05/2022 6:00

O calendário Brasileiro de datas comemorativas tem inúmeras ocasiões para se celebrar. Temos o dia de Ações de Graças, do Profissional Liberal, dia do Farmacêutico, de Páscoa, do Susto, da Reforma Protestante, dia da Bíblia, também o dos Namorados. Quase todos os dias tem uma data especial, exceto dia 29 de fevereiro que nunca vai ter (para mim neste dia deveria ser comemorado o dia do político, pois é no quadriênio a forma mais comum de vê-los nas ruas).

Cântico dos Cânticos de Salomão 8.6

Retirado do site: https://www.pexels.com/pt-br/foto/afeicao-carinho-simpatia-borrao-6533167/

Geralmente no dia dos namorados as igrejas comemoram com seus casais esse momento tão especial. Por sua vez alguns pares buscam se encontrar em restaurantes, em eventos, viagens românticas, ou até mesmo num jantar a luz de velas na própria casa. E neste ano a pedida mais acertada é fazer o jantar romântico dentro da própria casa.

Seja ele com toda pompa, seja simples e delicado. Com pratos requintados de uma cozinha francesa, ou aquela comidinha caseira (especialmente a mineira). A dois, ou mesmo acompanhado pelos filhos e familiares que moram juntos no mesmo lar. A centralidade da ideia deste período em que vivemos é ficar em casa, permanecer protegidos, poder estar feliz e comemorar o amor que nos fortalece a permanecer em pé diante das situações adversas.

Segundo Roger Bussy-Rabutin “a distância faz ao amor aquilo que o vento faz ao fogo: apaga o pequeno, inflama o grande”. Eu adoro essa frase! Não tem nada a ver com a Bíblia, mas tem uma veracidade tão grande. Quem você gostaria de poder abraçar agora? Já imaginou a distância que os separa? A vontade é mais intensa ou a distância faz você não se preocupar com aquela pessoa? Infelizmente dentro do próprio lar existem pessoas que estão isoladas e sozinhas mesmo com mais moradores no local.

Para Salomão o amor é como uma chama, labaredas ocasionadas pelo Senhor, impedindo que as muitas águas possam apaga-lo. Ou seja, o amor é inflamado pelo agir de Deus (que é a essência do amor) e fortalece essa emoção tornando-a racional, estável e forte para vencer os desafios e conquistar os sonhos.

A paixão é avassaladora, descontrolada e irracional, no entanto o amor é um sentimento conquistado. Não se ama alguém que não se conhece, pois esse sentimento é despertando, é conduzindo, e impulsionado por palavras, atos e até pelo silêncio em alguns momentos específicos. Como há tempo para tudo, a tempo de falar, e permanecer calado, de abraçar e abster-se da abraçar, de rir e chorar.

Então separe um tempinho no dia de hoje, olhe nos olhos da pessoa amada, diga o quanto ela é preciosa. Ore com ela, sorria, beije, abrace. Se possível comam juntos, se alegrem, mesmo que seja com uma simples rosa, ou um cartão feito por você. O que importa na verdade é demonstrar o seu amor, pois é ele que pode lhe fortalecer para juntos vencer essa pandemia. Como diz Machado de Assis: “Cada qual sabe amar a seu modo; o modo, pouco importa; o essencial é que saiba amar”.

Um grande e forte abraço!
Nos eternos laços do amor de Cristo!

Rodrigo Fonseca Andrade
Um servo que ama a Deus, e que demonstra seu amor a uma linda mulher a mais de vinte anos.