Rascunhos da Vida: Quem conhece o caminho... - Portal MPA

Publicidade

Rascunhos da Vida: Quem conhece o caminho…

Postado em 05/05/2022 6:00

Estar perdido é sempre um problema, especialmente quando não sabemos a melhor maneira de perguntar sobre onde encontrar o local que queremos chegar. Você já se perdeu?

Atos 24

Retirado do site: https://www.pexels.com/pt-br/foto/foto-do-caminho-cercado-por-pinheiros-1578750/

Fomos convidados a ir à casa de um casal de amigos e irmãos em Cristo na barragem de Cajurú. O lago das Roseiras é um lugar lindo. Dependendo do horário a luz do sol sobre as águas reflete um brilho cascateado, onde as cores do arco-íris são multiplicadas em ondas e não somente num único arco. Ao pino do sol é quase impossível olhar para a água que mais um grande espelho refletindo o brilho quando direcionado para o sol.

O lago é cercado por casas, cidadelas, e condomínios. Os condomínios têm nomes muito semelhantes: retiro do lago, balneário do lago, recanto do lago, refúgio do lago, paraíso do lago, águas do paraíso (esse fugiu um pouquinho). O de meus amigos tem um nome parecido com seus semelhantes do “lago”, então na minha mente iríamos passar numa estrada de chão próximo ao “bar do Aterro” e com isso chegaríamos ao local certo, ao condomínio desejado. Ledo engano.

Eu estava desatento procurando encontrar o local onde deveríamos ir pelo GPS do celular (eu sei que a tecnologia não é totalmente confiável) e não percebi que Sílvia havia errado a entrada do “Aterro”, seguimos adiante e chegamos a um local esmo. O recurso foi pedir orientação no primeiro lugar possível para voltarmos ao lugar correto. Com as orientações fomos parar noutro condomínio (na verdade no que eu tinha pensado anteriormente) pegamos outro caminho e fomos para noutro lugar. Nisso já havia decorrido mais de uma hora e meia.

Nossos amigos já estavam preocupadíssimos conosco, eu já havia tentado ligar e não havia conseguido falar por falta de área ou cobertura de rede do celular, sendo assim quando conseguimos falar com eles o líder da casa se prontificou a ir ao nosso encontro e nos guiar. Sendo assim chegamos bem. Duas horas mais tarde, mas bem seguros. A ida compensou o atraso, pois foi um momento gostoso de conversa, um delicioso café e um tempo de convivência entre os irmãos. Agora sei o caminho, e com certeza não o errarei mais a trajetória.

“Confesso que seguindo o caminho” é assim que Paulo começa sua defesa. Conhecer o “Caminho” é extremamente importante, conhecer o caminho é necessário para se chegar em total segurança e evitar problemas no percurso. As perguntas certas podem levar a compreensão e a proximidade do caminho, mas se realmente não o conhecermos com certeza teremos dificuldades e provavelmente não encontraremos o local de destino.

Neste mundo somos peregrinos, estamos de passagem. Nosso alvo é a Nova Jerusalém que descerá dos céus. Mas não existem atalhos para este local, não existem vários caminhos, só existe o caminho, a verdade e a vida, e todos estão contidos em Cristo Jesus nosso Mestre. Não adianta vaguear pelo mundo a fora, não compensa gastar suas forças e recursos procurando sozinho o alvo. É necessário alguém que o conduza em segurança. É necessário Cristo. Você está perdido? Procure quem disponibiliza o Caminho seguro, busque a Deus, creia em Cristo, se entregue a ele.

Um grande e forte abraço!
Nos amorosos e fraternos laços do sangue de Cristo.

Rodrigo Fonseca Andrade
Um servo que prefere seguir quem conhece e é o caminho.