Rascunhos da Vida: O alçapão... - Portal MPA

Publicidade

Rascunhos da Vida: O alçapão…

Postado em 15/02/2022 6:00

Você já construiu algo com as próprias mãos? Desde coisas muito simples, como um castelo de areia, até algo mais complexo como um edifício. Ou já montou um quebra-cabeças, desvendou um mistério?

Deuteronômio 22.6,7

Retirado do site: https://www.pexels.com/pt-br/foto/animal-bicho-rato-mouse-5324732/

Ainda quando menino adorava pegar filhotes de pássaros, periquitos, maritacas, tucanos, corujas, todas elas me cativavam, e por causa disso eu já passei muitos apertos. Também aprendi muitas coisas. Certa vez aprendi os rudimentos da criação de um alçapão. Geralmente são feitos de madeira, mas como eu não tinha ferramentas, nem material adequado para fazê-lo comecei a fazer com modexado.

Tanto o Deco quanto eu aprendemos a fazer alçapões. Eu cortava os caules do modexado, retirava as folhas, filetava as réguas de bambu fazendo varetas muito finas. Media os caules, passava o bambu dentro deles e depois cortava os mesmos também, era um processo demorado, às vezes demorava um dia inteiro para ficar pronto, mas no final dava certo, e lá estava meu alçapão.

Depois de pronto, colocava no fundo alpiste e armava o mesmo em muitos lugares a fim de pegar alguns passarinhos. Eu espalhava os alçapões pelo pasto do Vô Benevides, e até me esquecia de alguns deles. Num destes esquecimentos eu me lembrei de um que havia ficado num local há dias.

Corri para perto da moita de bambus que ficava do outro lado do rio, perto da plantação de bananas. Chegando lá, não havia mais passarinho, mas dentro do alçapão (todo destruído) estava uma cobra. Ela dormia tranquilamente com a barriga cheia por ter comido aquele passarinho, então foi fácil mata-la, pois não houve reação. Ela matou o passarinho, eu sem pestanejar matei a cobra que destruiu meu alçapão.

Deus é tão sábio, que até leis para a preservação do meio ambiente Ele fez. Sim tanto da fauna quanto da flora tem uma relação com o cuidado do Altíssimo. Deus fez a terra e sua plenitude para que dela desfrutemos com alegria. Mas a corrupção humana e a cobiça fazem com que hajamos em prejuízo do outro. Desmatamos mais que necessário, cobramos mais do que devíamos, agimos como não deveríamos a fim de conquistar o material, desvalorizando o homem e valorizando o material.

Eu não precisava de mais de um alçapão, mas na minha cobiça desejei mais do que necessitava ter. Tinha mais passarinhos do que o meu viveiro suportava. Entre aqueles que ali estavam presos, pode ser que alguns tivessem seus ninhos e filhotes, e que por isso tiveram suas vidas comprometidas.

Pense comigo, Deus nos ama, criou o universo e nos deu controle e domínio sobre toda a terra para que administremos de forma correta. Mas o que temos feito para que o que Ele nos deu não se perca? Para que o que Ele nos deu tenha um bom uso da nossa parte? Fazemos parte de um todo, e quem sabe estejamos armando arapucas para nós mesmos.

Um grande abraço!
Nos fraternos laços do amor de Cristo!

Rodrigo Fonseca Andrade
Um servo que não arma mais arapucas.