Publicidade

Rascunhos da Vida

Rascunhos da Vida: Não era o que eu queria ouvir isso.

Postado em 17/07/2020 6:00

Você já ouviu ou leu algo que não desejava? Desde uma palavra ruim, até uma repreensão. De uma verdade a uma mentira? Eu já, várias vezes.

Deuteronômio 31.6,7,31

Retirado do Site: https://pt.freeimages.com/photo/what-not-to-do-3-1245569

A última vez foi quando eu abri a Bíblia aleatoriamente para ler. Não tenho esse costume. Geralmente leio uma quantidade de páginas por dia sequencialmente. Leio também um livro ou texto como base de estudo, o que pode durar um dia, uma semana, um ano. Raríssimas vezes leio um capítulo e me atenho somente a ele, então ler um versículo isolado apenas pelo apontamento do meu dedo é quase impossível de acontecer.

Mas há alguns dias estava me achando o mais inútil dos homens (minha mãe não pode saber disso, pois imediatamente ela me repreende), mas era assim mesmo que eu me sentia. Alguém inútil, desnecessário a uma sociedade. Uma pessoa que tem um serviço totalmente inútil, e que num momento de pandemia nem uma só pessoa precisa dele.

Senti-me totalmente desnecessário a sociedade, a minha comunidade na fé, até a minha família. Pois não estou podendo trabalhar no empreendimento que escolhi. Não estou sendo capaz de ajudar aqueles que necessitam em minha comunidade da fé, pois nem sei quem são os necessitados. Não estou servindo para trazer a minha família o sustento necessário para mantermos em dia nossas necessidades.

Então resolvi abrir a Bíblia e ver o que Deus queria me falar. E o primeiro versículo que eu leio é “sede fortes e corajosos; não temais, não vos atemorizeis…”. Fechei a Palavra e abri novamente, pois não era o que eu queria ler. O texto que abri foi: “lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós”. Irritado eu fechei as Sagradas Letras e abri novamente no texto: “uns confiam em carros e outros em cavalos, mas nós…”.

Fechei o Santo Texto, dobrei o meu joelho e comecei a orar. Não era isso que eu queria ouvir. Eu queria ouvir “chegou o dia da ira do Senhor”, “o seu pecado está sobre ti”, “estas calamidades virão sobre ti e te alcançaram”. Mas, o Deus Todo-Poderoso a quem eu sirvo queria me levantar. Desejava me mostrar que não sou tão inútil, e que diante da inutilidade da minha vida é Ele que me faz valoroso.

Talvez você esteja se sentido como “eu estava”. O mais inútil dos seres vivos. Mas o Senhor lhe tem em alta conta. Ao ponto de não ter poupado seu único filho a fim de nos salvar, morrendo na cruz por mim e por você. Como diz a canção antiga “eu sei que foi pago um alto preço para que contigo eu fosse um meu irmão”. O preço foi o sangue de Cristo no calvário, para demonstrar o quanto você tem valor para Deus.

Pense nisso, talvez você queira desistir, provavelmente tem motivos visíveis para isso, mas creia plenamente em Deus, creia no seu poder, saiba que Ele te ama e deseja o melhor para você. O que está acontecendo neste momento não é culpa sua, ou do seu pecado, mas com certeza é um tempo de Deus para tratar, curar e transformar uma humanidade doentia.

Um grande e forte abraço!
Nos eternos laços do amor de Cristo!

Rodrigo Fonseca Andrade
Um servo que se sente o mais útil dos homens.

Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

<
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Autor do blog: Rodrigo Fonseca Andrade

Rodrigo Fonseca Andrade é um microempreendedor, teólogo e professor de línguas clássicas (Grego Koinê e Hebraico Massorético). Casado com Sílvia e pai de João Victor e Isabelle. Com formação em Tecnologia, Meio Ambiente e Teologia. Tem como objetivo principal tornar o conhecimento teológico simples e abrangente. Sendo assim demonstra através de fatos da vida como Deus é soberano e dirige nossa história pessoal. Neste blog você lerá, lembrará e se identificará com muitos dos fatos bíblicos exemplificados de forma simples e objetiva.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!