Rascunhos da Vida: Meu amigo, onde estás! - Portal MPA

Publicidade

Rascunhos da Vida: Meu amigo, onde estás!

Postado em 02/10/2020 6:00

No momento ao qual estamos passando a falta do abraço, do ombro amigo, do afago, afeto e carinho tem sido de suma importância e necessidade.

Provérbios 17.17

Retirado do Site: https://www.freeimages.com/pt/photo/pals-1552175

Existe uma canção antiga que diz:
Uma palavra tão linda já quase esquecida me faz recordar contendo sete letrinhas e todas juntinhas se lê cativar.
Cativar é amar é também carregar um pouquinho da dor que alguém vai levar.
Cativou disse alguém laços fortes criou responsável tu és pelo que cativou.
Num deserto tão só entre homens de bem vou tentar cativar viver perto de alguém.

Hoje temos vivido tempos de amizade virtuais, convivemos com “curtir”, “Likes”, “hagtags”, “compartilhar”, mas não vivemos mais momentos de comunhão entre família, irmãos em Cristo e amigos.

Laços de afinidade, afeto e palavras de amor tem sido substituídos por “lives”, “stories”, “status”. Eu fiquei surpreendido na última semana quando soube (virtualmente) que um grande amigo meu estava sofrendo com a saúde de seu filho. Imediatamente entrei oração, até postei um “emoji de oração”, mas não liguei, nem orei com ele pelo Whattsapp.

Pense comigo, a rapidez das informações não substituem a fala, o abraço e o ombro amigo. Que possamos voltar ao relacionamento cativante e esquecer o universo on-line.

Um grande e forte abraço.
Nos eternos laços do amor de Cristo.

Rodrigo Fonseca Andrade
Um servo que quer retornar aos relacionamentos cativantes.