Publicidade

Rascunhos da Vida

Rascunhos da Vida: Louco de pedra, de Pedra do Indaiá

Postado em 09/03/2020 6:00

Na minha cidade natal existiam várias pessoas que eram consideradas “loucas”. Algumas falavam sozinhas pelas ruas, outras tiravam as roupas perante as pessoas, faziam suas necessidades fisiológicas nas calçadas e até no meio da rua (alguns parecem que mediam o centro certinho da rua).

I Samuel 21.10-15; 22.1-2

Retirado do site: https://pt.freeimages.com/photo/homeless-1-1434421

Mas nem sempre foram assim. Nem sempre agiam assim. Alguns eram “estudados” (tinham o primeiro grau ou até o segundo grau completo, o que era muito para a época), outros eram pais ou mães que cuidaram muito bem de seus filhos enquanto crianças.

Advertisement

As “lendas urbanas” explicavam como ficaram assim. Existiam aqueles abandonados no altar, aqueles traídos no relacionamento, aqueles traumatizados por perderem entes queridos, alguns foram decepcionados ou decepcionaram alguém, uns poucos estavam assim desde a meninice.

Alguns eram considerados endemoniados, outros sofreram com algum “trabalho feito”, outros foram castigados divinamente. Tudo era especulação. Nada fora comprovado. O certo é que eram pessoas com problemas não tratados.

E como é doloroso sofrer por algo que pode ser tratado. Por algo que tem solução. Por algo que só precisa de um ombro amigo e palavras edificantes, ao invés de palavras e frases acusatórias ou pessoas insensíveis. Geralmente atraímos aquilo que somos, ou aquilo que as pessoas vêem em nós.

Davi atraiu para si homens que estavam “apertados”, “endividados”, “desgostosos” (“mar” ou o seu feminino “mārāh” – amargo, amargura, desgastado, descontente, atribulado, angustiado). O certo é que Davi atraiu para si pessoas que como ele estavam abaladas, que viam nele um louco em quem se espelhar.

Mas ele não permaneceu assim. Buscou forças no Senhor, venceu seus temores e com isso tornou-se um rei próspero e destacado. Não importa qual a sua situação hoje. Busque forças no Senhor, procure quem possa lhe ajudar, orientar e orar com você (não apenas por você).

Pense nisso, algumas situações em nossa vida se tornam tenebrosas ao extremo, mas quando buscamos em Deus o refúgio e a solução com certeza encontraremos.

Um grande abraço!
Nos eternos e fraternos laços do amor de Cristo.

Rodrigo Fonseca Andrade
Um “louco” que atraí aqueles que confiam em Deus mais que em suas próprias capacidades.

Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

<
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Autor do blog: Rodrigo Andrade

Rodrigo Fonseca Andrade é um microempreendedor, teólogo e professor de línguas clássicas (Grego Koinê e Hebraico Massorético). Casado com Sílvia e pai de João Victor e Isabelle. Com formação em Tecnologia, Meio Ambiente e Teologia. Tem como objetivo principal tornar o conhecimento teológico simples e abrangente. Sendo assim demonstra através de fatos da vida como Deus é soberano e dirige nossa história pessoal. Neste blog você lerá, lembrará e se identificará com muitos dos fatos bíblicos exemplificados de forma simples e objetiva.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!