Rascunhos da Vida: Em cem anos como seremos? - Portal MPA

Publicidade

Rascunhos da Vida

Rascunhos da Vida: Em cem anos como seremos?

Postado em 26/12/2020 6:00

Você já pensou como será a vida daqui a cem anos? Como será o corpo humano, como serão os alimentos, como serão as pessoas, os relacionamentos, a tecnologia?

Eclesiastes 2.16

Retirado do site: https://www.pexels.com/pt-br/foto/engenharia-cuidados-de-saude-assistencia-medica-mecanico-3912992/

O professor e escritor Juan Enriquez Cabot numa palestra em 2016 lançou uma pergunta: Qual será a forma do ser humano daqui a cem anos? Numa exposição breve e sucinta da evolução das próteses e métodos de modificações genéticas, ele tenta mostrar a necessidade de mudanças e evolução do corpo humano visando preparar o homem para viver noutros planetas, a fim se sobreviver a uma extinção futura.

Ele prova que hoje o homem não sobreviveria à exposição direta de radiação, não conseguiria viver num ambiente inóspito com pouco oxigênio e falta de água. Mostra com clareza a evolução das próteses desde uma mão mecânica arcaica, até uma prótese com ligações neurais e suas possibilidades de ampliação da sensibilidade. Tenta explicar a possibilidade de manter a memória num cérebro transplantado, visando um corpo que viva por inúmeros anos além do habitual.

Bem, toda pesquisa científica tenta alcançar o benefício humano e uma melhor qualidade de vida. No entanto nenhuma modificação genética vai impedir a destruição ocasionada pelo pecado. O próprio Juan cita o astrônomo britânico Sir Martin Rees que diz: “o universo é 100% mau”. E realmente é. Se lançarmos alguém no sol ele irá morrer, se jogarmos num local onde o peso da gravidade é dez vezes maior ele irá morrer. Se enviarmos a um local sem oxigênio ele morrerá, sem alimento também. Ou seja, a possibilidade de sobrevivência da vida seria zero, então podemos afirmar que o universo é impróprio à sobrevivência.

Ele não diz isso, mas o que destrói a vida é o pecado, pois o salário do pecado é a morte, e todo o universo foi afetado por essa lei. A nossa luta pela evolução do corpo humano que não envelhece, não sofre com doenças, que pode sobreviver em situações e locais inabitáveis só chegará ao fim quando Cristo voltar e tomar sua noiva para si. No novo céu e nova terra teremos um corpo transladado, que não será sujeito as leis que nos cercam na atualidade. Então viveremos para todo o sempre, desfrutando das alegrias na presença do Altíssimo.

Pense comigo, você pode desejar melhorar sua qualidade de vida nesta terra, mas só alcançaremos verdadeiro êxito um dia na glória com Cristo Jesus, o Mestre, o Cordeiro, o Salvador da humanidade perdida. Portanto, esteja preparado reconhecendo que o pecado nos deteriora, e que Cristo nos dá uma oportunidade de um dia viveremos num corpo incorruptível onde não haverá rejeição, imperfeição e morte, mas seremos perfeitos e viveremos por toda eternidade.

Um grande e forte abraço!
Nos eternos laços do amor de Cristo.

Rodrigo Fonseca Andrade
Um servo que um dia terá um corpo perfeito e incorruptível.

Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

<
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Autor do blog: Rodrigo Andrade

Rodrigo Fonseca Andrade é um microempreendedor, teólogo e professor de línguas clássicas (Grego Koinê e Hebraico Massorético). Casado com Sílvia e pai de João Victor e Isabelle. Com formação em Tecnologia, Meio Ambiente e Teologia. Tem como objetivo principal tornar o conhecimento teológico simples e abrangente. Sendo assim demonstra através de fatos da vida como Deus é soberano e dirige nossa história pessoal. Neste blog você lerá, lembrará e se identificará com muitos dos fatos bíblicos exemplificados de forma simples e objetiva.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade