NORD Research

Finanças: Nada pior do que não saber

Postado em 15/10/2019 12:00

Hoje eu decidi contar uma história para você que quer aprender a investir melhor, mas ainda não sente muita segurança.

Em dia completamente fraco de notícias, com o mercado parado por conta de feriado nos EUA, hoje eu decidi contar uma história para você que quer aprender a investir melhor, mas ainda não sente muita segurança.

Depois de muitos e muitos anos de trabalho dedicados à medicina, de conseguir formar os dois filhos na faculdade, e de terminar de pagar o financiamento da casa própria, minha mãe finalmente começou a juntar um dinheirinho.

Ela já tinha seus 50 e poucos, e nunca foi ligada em tecnologia.

Seus investimentos começaram nos grandes bancos. Fundo DI com taxa exorbitante, título de capitalização e CDB a 70 por cento do CDI.

A carteira perfeita para o banco, o desastre financeiro do investidor.

Eu, por outro lado, comecei a trabalhar no mercado financeiro e, aos poucos, fui entendendo como tudo funcionava. Como os bancos ganhavam dinheiro, como os fundos eram geridos, como os riscos que cada investimento ocorriam, e muito mais…

Obviamente comecei a sentar com a minha mãe para conversar sobre investimentos.

Mãe, esse título de capitalização é uma furada. Ele tem rendimento negativo se você quiser sair antes…

"Mãe, esse seu fundo cobra uma taxa de administração altíssima, você já ouviu falar do Tesouro Direto?".

A primeira vez que minha mãe abriu conta em uma corretora foi muito engraçado. O que eu mais ouvia era: "o que eu faço agora?".

Ela estava completamente insegura. Não entendia totalmente quais os riscos que estava correndo e eu também ainda não era boa o suficiente para explicar.

Juntas, fomos nos polindo. Ela abriu conta em corretora, investiu em títulos do Tesouro Direto, com o tempo foi acompanhando suas cotações, entendendo que quando quisesse poderia sacar aquele dinheiro…

Juntas, fomos decidindo que título comprar. Ela foi vendo que tinham uns que rendiam mais, e outros menos, a depender do mês. As perguntas foram se sofisticando de "o que eu faço agora?" para "sobrou um dinheirinho, qual título você acha que eu compro?".

Os gerentes, "melhores amigos" dela na época, ligavam oferecendo investimentos ruins, e eu ouvia ela dizer toda orgulhosa: "é que minha filha trabalha com investimentos, e agora ela que cuida do meu dinheiro".

Eu chegava em casa e contava pra ela que o Copom tinha sido mais dove ou mais hawk, e discutíamos o impacto que isso teria nos títulos dela.

Foi um processo de anos até que ela se sentisse 100 por cento segura com toda essa nova gama de investimentos.

Entramos em algumas novas emissões de CRIs e debêntures. Ela aprendeu sobre bookbuilding.

Até que, mais confiante dos seus investimentos em renda fixa, e com um pouco mais de dinheiro para investir, chegou a hora da bolsa!

Ela me ligou um dia e disse que tinha sobrado um dinheiro na conta e queria investir. Me avisou que no banco médio X estavam fazendo uma promoção de LCI a 100 por cento do CDI, e que na corretora Y estavam oferecendo uma nova emissão de debênture, ou ainda que poderia colocar mais "naquela L…F….T?" (como ela chama o Tesouro Selic carinhosamente até hoje).

Eu estava muito orgulhosa dela. Ela já dominava seus investimentos. Mas aquela era a hora da Bolsa.

Mãe, vamos aplicar em bolsa! Compra 1 por cento da sua carteira em BOVA11.

"E como eu faço isso?" – dizia ela rindo muito. Ela é uma figura!! "Posso comprar só meio, vai?"

Eu liguei para ela, como o home broker na minha frente, e lá fomos nós no passo a passo para ela conseguir fazer a operação. O Bruce Barbosa estava do meu lado, e ria muito dos comentários da minha mãe.

Hoje, ela tem bolsa, tem renda fixa, tem fundo multimercado… tem de tudo.

E sabe exatamente quem rendeu mais e quem rendeu menos no mês.

Hoje as perguntas são:

São perguntas muito mais sofisticadas, que eu mesma me faço todo dia!

Ela, com ajuda de uma especialista (no caso eu), transformou completamente sua vida financeira.

Hoje, uma senhora de mais de 60 anos com zero habilidade tecnológica tem períodos de retornos bem agressivos. E fica toda feliz.

Ela tem duas frentes de renda, seu excepcional trabalho como médica, e os rendimentos de seus investimentos.

Se a minha mãe fez essa transformação, garanto que qualquer um pode fazer!

Demora? Sim!

A confiança em cada um dos investimentos só vem com o tempo. Você precisa ver na prática eles renderem. Precisa ver na prática o processo de resgate. Precisa ver na prática o quanto eles sobem e caem com as notícias. E, aí sim, depois de muitos anos, você se sente mais confortável.

Não tem problema nenhum começar pequeno.

A ideia na Nord de ter o canal do Whatsapp e do Telegram era exatamente para isso! Para que pudéssemos pegar você na mão e te dar o passo a passo para você começar com segurança e conhecimento.

Nem todo mundo tem um assessor de investimentos do lado para tirar dúvidas, não é mesmo?

Agora, estamos dando um novo passo aqui na Nord!

Estamos produzindo um curso completo e gratuito sobre investimentos.

A mim, coube a primeira parte: um curso sobre renda fixa. Estou recebendo excelentes críticas sobre ele, o que me deixa muito feliz. Está didático, ao mesmo tempo que bem aprofundado.  

Não tem absolutamente nenhuma desculpa para você não saber tudo sobre renda fixa!

Para ter acesso, você ou qualquer pessoa interessada em aprender, basta ir no nosso site, acessar a área do assinante e criar uma conta gratuita e sem burocracia! (nada de pegadinhas, nada de cobranças depois de alguns dias, nada de precisar inserir cartão…)  

Entrando na nossa área logada, o curso já estará em uma das abas, imediatamente disponível.

Os meninos estão fazendo os cursos de fundos e ações. E, muito em breve, este será um espaço completo e gratuito de conhecimento.

Se você já investe, tente ensinar para sua mãe, seu pai, sua esposa, seu marido, ou até seus filhos. Vamos aos poucos difundindo esse conhecimento.

Não dá mais, com os juros indo pra 4 por cento, para você ficar preso em investimentos ruins. É preciso enfrentar as dificuldades e o medo do curto prazo, e saber que aos poucos você vai se sentir confiante para diversificar, e vai certamente evoluindo.

Estamos aqui para te ajudar em tudo o que você precisar! E vamos cada vez mais trabalhar para que você tenha as mesmas oportunidades, serviços e acompanhamento que a minha mãe teve acesso.  

A ideia é fazer você passar pela mesma transformação. Desde um começo mais dependente, até um longo prazo bem mais sofisticado.

Vamos percorrer toda essa jornada. De cabo a rabo.

Vamos juntos?

Em observância ao Artigo 22 da Instrução CVM nº 598/2018, a Nord Research esclarece que oferece produtos contendo recomendações de investimento pautadas por diferentes estratégias e/ou elaborados por diferentes Analistas. Dessa forma, é possível que um mesmo valor mobiliário encontre recomendações distintas em diferentes produtos por nós oferecidos. As indicações do presente Relatório de Análise, portanto, devem ser sempre consideradas no contexto da estratégia que o norteia.

Postado originalmente por: Nord Research

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Autor do blog: Nord Research

RECOMENDAÇÕES DE INVESTIMENTO COM RESULTADOS COMPROVADOS
A geração de riqueza para nossos assinantes é o nosso compromisso primordial. Somos uma casa de análise independente formada por profissionais com ampla experiência de mercado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com