Publicidade

NORD Research

Finanças: Como surgem as ideias de investimento?

Postado em 16/12/2020 11:00

Ter boas ideias é o primeiro passo para alcançar os retornos desejados

Ideias medíocres

Ideias de investimentos não podem simplesmente ser “produzidas”; é preciso ser paciente e estar sempre pronto para aproveitar as oportunidades certas na bolsa.

Boas ideias de investimento são raras, um histórico composto apenas por grandes acertos é simplesmente surreal. O investidor que acredita que acertará sempre tem como único destino o desapontamento.

Advertisement

A notícia positiva é que os melhores investidores de todos os tempos fizeram a maior parte de seu dinheiro com apenas algumas boas ideias. O próprio Buffett diz que seu sucesso pode ser atribuído a menos de 20 boas ideias que teve em todas as décadas em que investe.

Você precisa se preparar mentalmente para aceitar o fato de que a maioria dos seus investimentos vai produzir resultados medíocres, mas que alguns deles podem produzir resultados excepcionais e que estes poucos grandes acertos são os que determinam a maior parte de seu resultado no longo prazo.

Vendas forçadas

Boa parte das boas oportunidades de investimentos vem em grandes ondas, nos momentos em que o mercado inteiro cai. No passado recente, isso aconteceu em 2008, 2015 e acabou de acontecer de novo agora em 2020.

Grandes quedas em um curto espaço de tempo ocorrem quando os participantes do mercado são obrigados a realizar vendas forçadas, principalmente quando os gestores de recursos são obrigados a vender ações para atender os resgates de seus clientes.

Mesmo sabendo que as ações estão subprecificadas, os gestores não possuem a opção de simplesmente não vendê-las. Essa venda forçada acaba criando preços artificialmente baixos e diversas oportunidades raras de investimentos são geradas.

Outros casos de vendas forçadas podem acontecer quando ações são excluídas de índices importantes, como do IBOV, ao passo que muitos fundos investem apenas em ações do índice.

Spin-offs (quando empresas separam uma de suas subsidiárias) também podem criar uma situação similar se o negócio que foi segregado não atender aos critérios de investimento de muitos investidores.

Em ambos os casos, a venda forçada também pode criar boas oportunidades de investimentos.

Pessimismo exagerado

Além de ocasionalmente gerar situações de venda forçada, o mercado também adora magnificar o pessimismo com determinados setores ou negócios frequentemente.

Buscar por grandes quedas em setores ou ações específicas também pode ser uma forma de gerar ideias de investimentos. Em alguns momentos, os investidores jogam fora o bebê junto com a água da banheira.

A maioria desses casos está ligada a algum tipo de incerteza ou ameaça, como irregularidades contábeis, ameaça de fraude ou corrupção, problemas na execução ou concepção da estratégia, mudanças na regulamentação, perda de um grande cliente, mudanças tecnológicas, anúncios de competidores etc.

Na maioria das vezes, os investidores assumem automaticamente o pior cenário possível e tendem a vender primeiro e perguntar/analisar depois. Isso pode gerar boas oportunidades de investimento.

Quando a realidade começa a demonstrar que o resultado final não será tão ruim quanto o esperado, os preços das ações se ajustam e geralmente sobem.

Nesses casos, o investidor precisa buscar por pessimismos exagerados e identificar se as fontes do pessimismo são problemas temporários ou permanentes.

Novas tendências

Se às vezes o mercado pode tratar muito mal alguns setores, ele também escolhe as áreas ou empresas queridinhas do momento. As empresas destes segmentos que se beneficiam da abundância de capital para acelerar seu crescimento podem se tornar boas oportunidades de investimentos.

Nesse caso, é preciso tomar cuidado para não entrar em tendências baseadas em especulação e não em fundamentos, assim como se atentar aos possíveis efeitos negativos da abundância de capital (e alavancagem) no setor de atuação da empresa.

Screening de ações

Uma das ferramentas utilizadas pelos investidores para identificar boas oportunidades de investimentos são os screenings, conjunto de filtros utilizados para elaborar uma lista de empresas que atendem a determinados critérios.

Geralmente os critérios são indicadores de preço (múltiplos), de rentabilidade, alavancagem financeira e crescimento, mas critérios qualitativos como governança ou características do negócio também podem ser utilizados.

A principal limitação dos screens reside na utilização de dados contábeis padronizados, que raramente representam de maneira realista a realidade das empresas e podem ser consideravelmente distorcidos por eventos não recorrentes ou que não afetam a geração de caixa das empresas.

Noticiário corporativo, seguindo profissionais e IPOs

Publicações sobre empresas/setores que saem nos principais veículos de mídia do mundo dos investimentos e anúncios de fatos relevantes, guidances, planos de investimentos etc. divulgados pelas próprias companhias também podem ser fontes de ideias de investimentos.

No caso de informações vindas de terceiros é sempre importante checar a veracidade e as possíveis motivações para a publicação dos artigos em questão. No caso dos anúncios feitos pelas empresas, é bom ter em mente que elas tendem a ter uma visão enviesada sobre elas mesmas (excessivamente otimista).

Muitos investidores e analistas (incluindo os profissionais) geram suas ideias ao acompanhar as posições de gestores renomados no mercado. Geralmente aqueles que apresentaram o melhor desempenho no curto prazo são os mais seguidos.

O maior problema aqui é que os bons históricos de rentabilidade foram gerados por investimentos passados; assumir que os investimentos existentes ou futuros vão gerar um resultado similar é um erro.

Os processos de IPOs são naturalmente uma fonte de ideias, o objetivo das empresas é exatamente apresentar seus negócios como boas oportunidades ao mercado.

O curto histórico de resultados (normalmente apenas os últimos 3 anos são abertos nos prospectos) e o acesso limitado à empresa são as principais desvantagens. A falta de um histórico de preços da ação no mercado pode ser uma vantagem ou desvantagem.

Gerar boas ideias é apenas o primeiro passo

Existem diversas maneiras para gerar ideias de investimentos, algumas mais quantitativas, outras mais qualitativas. Todos os métodos possuem vantagens, limitações e riscos.

No fim das contas, ao escolher suas fontes de geração de ideias de investimento, você deve priorizar aquelas que te darão o maior número de oportunidades.

Contudo, gerar ideias é apenas o primeiro passo, depois disso você precisa filtrar e avaliar cada um dos potenciais investimentos que elencou. Após tomar a decisão de investimento, você também precisa acompanhar de perto a evolução da empresa e do preço da ação.

Parece trabalhoso demais, e em muitos casos pode ser mesmo. Mas não se preocupe, a Nord existe para você, que não tem tempo ou a expertise necessária para gerar e acompanhar suas próprias ideias de investimentos.

Em outubro deste ano, passei por todo esse processo de geração de teses de investimento. Foi quando a série Nord 10X foi lançada, e precisei apresentar a carteira de Ações com potencial de se multiplicarem por 10 vezes para os assinantes.

O resultado tem sido espetacular. A carteira está dando muitas alegrias para quem segue as recomendações.

Se você não tem tempo para estudar e gerar suas próprias ideias, conte com a Nord para auxiliá-lo.

A série Nord 10X é a mais recente da casa e tem 11 recomendações "fresquinhas" esperando por investidores. Para testá-la por 30 dias, acesse este link aqui.  

Abraço,

Postado originalmente por: Nord Research

Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

<
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Autor do blog: Nord Research

RECOMENDAÇÕES DE INVESTIMENTO COM RESULTADOS COMPROVADOS
A geração de riqueza para nossos assinantes é o nosso compromisso primordial. Somos uma casa de análise independente formada por profissionais com ampla experiência de mercado.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!