Publicidade

(con)vivendo com a mente

Técnicas para controlar crise de ansiedade

Postado em 08/06/2021 12:00

Ficar ansioso antes de um evento, de uma viagem, de uma apresentação ou uma reunião é algo comum no cotidiano de muitas pessoas. No entanto, existe um ponto que essa ansiedade se torna maior, mais frequente e drástica caracterizando um transtorno. De acordo com a OMS 264 milhões de pessoas sofriam de transtornos de ansiedade em 2015. Esses transtornos são caracterizados por sentimentos de ansiedade e medo que persistem por muito tempo. Essas inquietações chegam a afetar as atividades do cotidiano e atrapalham a qualidade de vida dos portadores. Existem vários tipos, como o transtorno de ansiedade generalizada (TAG), a síndrome do pânico e fobias.

Algumas vezes, a ansiedade pode se apresentar de forma aguda como uma crise. Durante as crises é comum que a pessoa não consiga reestabelecer o ritmo normal de respiração. Por isso, técnicas de controle de respiração se tornam “cartas na manga” para esses momentos. Uma das técnicas que eu uso consiste em puxar o ar contando até 4, segurar a respiração contando até 3 e soltar contando até 7. É justamente o controle da respiração que faz a dor no peito diminuir que é um dos principais efeitos físicos.

Advertisement

Além disso, em uma crise de ansiedade, pode ser que a pessoa perca um pouco da noção do presente e da realidade. Para retomar a consciência do que é atual, uma amiga me ensinou sempre listar o que você consegue sentir no momento: 5 coisas que você pode ver; 4 coisas que pode tocar; 3 coisas que pode ouvir; 2 coisas que pode cheirar; 1 coisa que pode sentir o gosto. Você pode listar para alguém ou falando para si mesmo e pode ser qualquer coisa. O objetivo dessa técnica é a cabeça ficar um pouco mais calma e consciente, trazer de volta o presente.

Essas técnicas são apenas auxílio para os momentos de crise, mas é muito importante fazer tratamento e acompanhamento com profissionais capacitados. A ansiedade pode ser controlada e tratada sim! Busque ajuda!

Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

<
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Autor do blog: Júlia Nogueira

Sou a Júlia Nogueira, tenho 24 anos e fui diagnosticada com ansiedade e depressão há alguns anos. Neste blog, pretendo compartilhar artigos com um pouco do que aprendi e aprendo todos os dias, para ajudar e acolher quem passa por dificuldades semelhantes. É importantíssimo lembrar que você nunca está sozinho, que você faz a diferença e que é possível conseguir ajuda!

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!