Blog do Leo Lasmar - Começou como Cuca e terminou como El Turco - Portal MPA

Publicidade

Blog do Leo Lasmar – Começou como Cuca e terminou como El Turco

Postado em 25/07/2022 21:00

Poderia ter sido o jogo da “virada de chave” do Atlético na temporada. Técnico novo, postura em campo diferente, reforços jogando, três pontos e torcida abraçando. Mas não foi. Depois de um bom primeiro tempo, o Galo viu os três pontos escaparem na etapa final. Faltou matar o jogo. Mas, o torcedor pode ter um alento para o cenário futuro: houve mudança de postura, além de que Cuca está voltando.

O Galo começou empurrando o Corinthians para o campo de defesa, e brilhou a estrela de Keno. O atacante marcou um golaço aos oito minutos, colocando o Galo em vantagem. Com isso, o time teve mais tranquilidade para executar o que o interino Lucas Gonçalves havia pedido.

No segundo tempo, vieram as substituições e a queda de rendimento do Galo. O time começou a dar espaços para o Corinthians chegar pelos lados. O gol de empate sai justamente de um cruzamento do lado direito. A bola desvia em Arana e sobra para o Fábio Santos marcar de cabeça. Pedrinho estava na marcação e não acompanhou o lateral corintiano.

A virada vem de lance individual de Giovanni, que passa por todo mundo pelo lado esquerdo, mas é parado por Alonso, com falta dentro da área. Pênalti para o Corinthians. E o gol da virada. Mesmo perdendo, a torcida do Atlético empurrou o time na tentativa de ainda conseguir somar um ponto.

A virada foi um banho de água gelada no Atlético, que se apresentou de forma diferente em campo. O desempenho e a entrega foram superior ao que o elenco vinha mostrando nas partidas anteriores. Uma postura agressiva e de time com sede de vencer. Esse é o alento que o torcedor pode levar da derrota.

Mais do que a mudança de postura, o cenário é positivo com o retorno do técnico Cuca ao comando do time. O treinador atual campeão do Brasil retorna essa semana para “acertar o time”. Tem o reencontro marcado com boa parte do elenco que deixou no ano passado, e reforços que irão valorizar o time.

Tem um turno inteiro pela frente, título brasileiro a ser defendido e o sonho do bi da Libertadores. O discurso após o jogo do técnico interino, Lucas Gonçalves, é um só: “Brigar até o final!”

Não tenha dúvida, o segundo semestre e o segundo turno, o Atlético vai entrar para vencer os campeonatos. Desde o início é assim. Estamos brigando pela frente. E a ideia é brigar até o final.

Por Laura Rezende – GE

FUTEBOL MINAS FM