Psicólogo orienta sobre os riscos de negligenciar a própria saúde mental

Postado em 10/01/2017 9:37

adan-pelegrino

Em Janeiro de 2014, nasceu em Uberlândia – MG uma campanha com o objetivo de chamar a atenção de toda a sociedade brasileira para a importância de todos os assuntos relacionados ao universo da Saúde – e, em especial, à Saúde Mental.

O mês de Janeiro foi escolhido por, simbólica e culturalmente, representar a renovação das esperanças, projetos e planos de vida das pessoas. A cada Janeiro, em termos simbólicos, novos horizontes se abrem à vida das pessoas, convidando-as a refletirem sobre os caminhos que já percorreram e os destinos aos quais desejam chegar. Esse convite pode ser o convite para uma vida com mais harmonia, mais propósitos e mais sentido existencial.

A cor “branca” foi escolhida por representar a possibilidade de partida de qualquer projeto, de inícios e reinícios possíveis a partir de uma “folha em branco”, um “muro em branco” ou uma “tela em branco”. Além disso, o branco, por ser a somatória de todas as cores, abre os braços para todo e qualquer projeto de vida, sempre, também, simbolizando a paz e a pureza das intenções.

Em  uma época em que muitos vem se preocupando com a saúde física, o que pode ser notado pela proliferação de academias, lojas de suplementos e outras do gênero, percebe-se que muitas vezes o emocional é deixado de lado sendo que mente e corpo devem trabalhar em equilíbrio ou a saúde como um todo pode sofrer consequências.

Em entrevista, o psicólogo e professor universitário Ádan Pelegrino (foto) fala sobre o tem e orienta a todos sobre como escolher bem um profissional para trabalhar a saúde mental:

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
%d blogueiros gostam disto: