Rotas para o Futuro chega a Nova Serrana e Itaúna

Postado em 02/12/2016 15:45

O Projeto Rotas para o Futuro, uma iniciativa do Sistema FIEMG, em parceria com o SEBRAE-MG tem por objetivo percorrer diversas regiões mineiras e colocar em pauta temas relevantes e informação de qualidade para o setor industrial.

O programa, que está na sua 6ª edição levará à população de Nova Serrana e de Itaúna a palestra “Cenários e Perspectivas de SST – Custos com Acidentes do Trabalho e Afastamentos Previdenciários”.

Nova Serrana, município da região Centro-Oeste que se destaca pela produção de calçados receberá o evento no dia 08 de dezembro, no SINDINOVA – Sindicato Intermunicipal das Indústrias de Calçados de Nova Serrana, às 14h. As inscrições podem ser feitas, gratuitamente, no Sindicato.

Em Itaúna, a palestra acontece também no dia 08 de dezembro, no auditório do SENAI, às 19h. As inscrições podem ser realizadas, gratuitamente, no SINDIMEI – Sindicato Intermunicipal das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Itaúna, ou através do e-mail senaicefet@fiemg.com.br.

Para o presidente da FIEMG Regional Centro-Oeste, Afonso Gonzaga, o setor industrial está empenhado em fortalecer a cultura da prevenção. “A Federação está cumprindo o seu papel de levar aos empresários, mais informações sobre Segurança e Saúde no Trabalho, fundamental para uma boa gestão de recursos humanos”, disse.

Sobre a palestra

A palestra, que será conduzida pelo Médico do Trabalho, Gustavo Nicolai é dividida em três partes. Inicialmente, ele apresenta um panorama da segurança e saúde no Brasil. Segundo dados do último relatório estatístico da Previdência Social, de 2016, o país registra mais de 700 mil acidentes do trabalho por ano, sendo 70 mil em Minas Gerais. O palestrante ressalta também como são calculados o Fator Acidentário de Prevenção (FAP) e o Seguro Acidente de Trabalho (SAT) das empresas.

Nicolai encerra a palestra apresentando produtos e serviços do Sesi na área de SST. Entre eles, a plataforma “Construindo Segurança e Saúde”, onde as empresas inserem informações sobre acidentes e afastamentos para a construção de uma base de dados, o Programa Sesi de Gestão do Absenteísmo, a Rede Sesi do Trabalhador e os Centros de Referência em SST da instituição.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: